Esgotamento nervoso

   

O esgotamento nervoso é um estado no qual certos conflitos emocionais intervêm na capacidade do indivíduo para continuar o dia-a-dia. O esgotamento também é o estado mais agravado da depressão e stress.

 

 

Alguns sintomas do esgotamento nervoso são:

 

  • Sentimento de tristeza, desânimo ou pessimismo.
  • Choro fácil, por vezes sem razão aparente
  • Perda de interesse e prazer nas actividades habituais, com tendência para o isolamento;
  • Perda da auto-estima;
  • Sentimentos excessivos de culpa;
  • Ideias de suicídio;
  • Dificuldade em tomar decisões, diminuição da concentração e falta de força;
  • Alterações do sono e do apetite;

 

 

 

Causa

 

O esgotamento nervoso é a consequência de falta de interesse. Isto é devido as dificuldades que nós encontramos na vida e podemos usar tanto os meios construtivos como os destrutivos para ir ao encontro da força para enfrentar as dificuldades da vida.
Um esgotamento nervoso é prova de que alguma coisa se descontrolou em nosso desenvolvimento emocional.

 

 

Tratamento 

  • Encaminhamento para um Psicólogo
  • Sessões de grupo
  • Sessões de relaxamento
  • Terapêutico
  • Psicoterapia
  • Reike
     

 

Síndrome de Burnout

É um distúrbio psíquico de carácter depressivo, precedido de esgotamento físico e mental intenso, definido por Herbert J. Freudenberger como "(…) um estado de esgotamento físico e mental cuja causa está intimamente ligada à vida profissional".

 

 

Síndrome de Burnout manifesta em quantas fases:

 

1.ª Fase - Falta de vontade, ânimo ou prazer de ir a trabalhar. Dores nas costas, pescoço e coluna. Diante da pergunta "o que você tem?", normalmente a resposta é "não sei, não me sinto bem".

 

 

2.ª Fase - Começa a corromper o relacionamento com outros. Pode haver uma sensação de perseguição ("estão todos contra mim"), aumenta o absenteísmo e a rotatividade de empregos.

 

3.ª Fase - Diminuição notável da capacidade ocupacional. Podem começar a aparecer doenças psicossomáticas, tais como alergias, picos de hipertensão, etc. Nesta etapa começa-se a auto-medicação. Neste nível tem se verificado também um aumento da ingestão alcoólica.

 

4.ª Fase - Esta etapa caracteriza-se pelo alcoolismo, drogas, ideias ou tentativas de suicídio, podem surgir doenças mais graves, tais cancro, acidentes cardiovasculares, etc. Durante esta etapa ou antes dela, nos períodos prévios, o ideal e afastar-se do trabalho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Noticias

 

Antigo ciclista alemão Jan Ullrich sofre de esgotamento nervoso

 

O antigo ciclista alemão Jan Ullrich anunciou hoje que sofre do síndrome de esgotamento nervoso. A doença foi diagnosticada "há alguns dias" e o germânico explicou que vai estar algum tempo longe do circuito noticioso.

"Provavelmente, vou precisar de tratamento durante algum tempo. Por isso, de forma a curar-me completamente, vou afastar-me dos olhares públicos nos próximos meses. Apelo à vossa compreensão e espero que saibam respeitar a minha privacidade", afirmou o vencedor da Volta a França em bicicleta em 1997 que deixou o ciclismo há três anos.

 

Noticia publicada por Rui Pedro Silva, no dia 13 de Agosto de 2010

 

Esgotamento Nervoso

esgotamento fisico e mental

Data: 06-12-2014 | De: Katia Regina

gostei da matéria, mas ainda tive alguns problemas de constipação, dores musculares, etc. meu marido tb cooperou muito com muitos problemas exteriores trazendo pra dentro de casa...

sistma nervoso

Data: 14-09-2014 | De: anonimo

Á uns anos atras tive um esgotamento nervoso e apartir daí Ando sempre nervosa, muita ansiedade, angutia,tristeza e digo coisas aus filhos que nao tem culpa de nada

esgotamento

Data: 11-09-2014 | De: Maria Clementina

Devido a excesso de trabalho intelectual e à falta de uma pessoa querida sinto-me sem interesse pela vida e tenho perturbações de sono. Agradeço esclarecimento

Re:esgotamento

Data: 11-09-2014 | De: Maria Clementina

Devo procurar um Psiquiatra ou um Psicólogo

tenho esgotamento profundo

Data: 17-07-2014 | De: maria fernanda oliveira

tenho vontade de acbar com a vida tenho 47 anos

esgotamento nervoso

Data: 19-06-2014 | De: anônimo o

Ola eu tenho 15 anos e ultimamente tenho tido muita sonolência,irritabilidade,sentimentos de culpa,rejeição etc. Gostaria de saber como posso fazer um tratamento em casa pois isso se torna cada vez mais constante

esgotamento nervoso

Data: 18-06-2014 | De: edie de luccia

pf leia e imprima

nao sei

Data: 27-04-2014 | De: stressada

Ola boa noite!!
Eu que me lembre ja tenho estes simtomas desde que me apercebi que era rejeitada pela minha mae e irmas!!
Mas nunca tive coragem de investigar na net e muito menos de ir ao medico!! Sou mae a quase 2 anos e acho que piorei mas meu companheiro diz que o esgotamentos e depressoes sao frutos da nossa imaginacao, mas o que eu sinto e que por causa desta maldita depresao ou esgotamento a nossa relacao esta a desbrochar e cada dia que passa nao suporto o meu filho e muiro menos o meu companheiro!!
Gostava de saber o que fazer nesta situacao, ja nao aguento mais este sofrimento esta angustia!! Sera que me podem aconselhar! !? Boa noite

Re:nao sei

Data: 19-05-2014 | De: igual

eu sou Pai há quase 4 anos e desde q fiquei sem emprego q a minha vida foi sp descendo de nivel...de dia para dia nem tenho paciencia p aturar a minha mulher ou filho, qq conversa q ela tenha é conversa da treta e irrita-me...qt ao meu filho, tenho dias q só me apetece mando-lo contra a parede por me irritar tanto...a unica saída q penso, uma vez q n consigo arranjar emprego, é mesmo matar-me pq assim há paz em casa e a casa fica paga. eu aconselhava-te fazeres exercicio, de preferencia no meio da natureza, evitares parques e estradas nacionais. eu pedalo muito kms de bicicleta, tanto no mato como na estrada e ja resolveu esse problema mas parece q agora n está a fazer efeito.

Re:nao sei

Data: 28-10-2014 | De: marcia

Procure um psiquiatra.

1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Novo comentário